[RESENHA] Oposição ( Série Stellium) - Thaísa Lixa

06:37

Cabelos tão claros como os raios solares e olhos tão azuis como o céu - assim era Lilith. A imagem que via refletida em seu espelho todas as manhãs era apenas mais um dos lembretes do quanto era diferente das outras pessoas. Sua beleza, ao mesmo tempo única e invejada, era proibida; ninguém em sua dimensão ou em qualquer outra possuía cabelos e olhos que não fossem castanhos, e isto se devia a uma das leis mais antigas decretada pelos Deuses do Inferno: não haveria mais nenhuma diversidade genética; todos, homens e mulheres, deveriam nascer com olhos e cabelos castanho-escuros ou negros.
E nascer assim, tão diferente dos outros, lhe custava caro.
Desde que se lembra por gente, Lilith sofre com a visita de Ahriman, o Deus mais poderoso de todo o inferno, e o responsável pela lei que a torna estranha e diferente de todos ao seu redor, em seus pesadelos. Nele, a garota se vê levada a força por Alice, sua própria irmã, como um sacrifício ao Deus, e logo em seguida é tomada pela escuridão.
Como se não bastasse o sofrimento que passava em seu próprio sonho, Lilith também lidava com seus pesadelos reais, sendo vítima de preconceito por todos aqueles que eram devotos aos Deuses, a ponto de maltrata-la como se a garota fosse um inseto que devesse ser esmagado o quanto antes.
Entretanto, no meio da escuridão que habitava sua vida desde que nascera, havia algo capaz de faze-la esquecer todo o mal que a rondava: a dança. Apesar de repudiarem a garota, nenhum único indivíduo poderia negar que Lilith era a melhor no que fazia; quando calçava suas sapatilhas de ballet, a garota parecia flutuar, tamanha delicadeza de seus passos.
Apesar de sua vida não ser exatamente do jeito que gostaria, rodeada de amigos e sem olhares repletos de ódio, Lilith havia encontrado um meio termo em sua adolescência, e começara a viver do modo mais normal possível para alguém com sua aparência e está grata por isso. Mas todo este sentimento de paz vai por água a baixo quando, durante seu sono, ela cai em outra dimensão com Alice, sua irmã, da qual não consegue sair; e o pior disso tudo? Nesta nova dimensão, humanos são escravizados e torturados, e pedir ajuda na porta errada podem lhe custar a vida.
Em sua novo mundo, Lilith passará por aventuras e conhecerá o medo de perto, assim como novos sentimentos que deixarão-a indecisa sobre quem ela realmente é, e sobre o sentido de sua existência. 
Ficou curioso? Então corra para a livraria mais próxima e viaje com Lilith em um mundo cheio de segredos e mistérios.


Com um total de 523 páginas, a história é capaz de prender o leitor do primeiro ao último capitulo.
Quando comecei a ler o livro, automaticamente comecei a ama-lo. O motivo? Sou simplesmente apaixonada (lê-se louca) por livros do gênero! Afinal, não é novidade para ninguém que amo fantasia, mas livros de fantasia com Deuses e vilões de tirar o fôlego? Isso sim é o paraíso!
Uma das características que mais gostei na história foi a relação entre Lilith e Alice. A maneira como a irmã mais velha cuida e zela pela caçula é de deixar qualquer um emocionado - e com aquela pontinha de inveja do relacionamento de ambas. Neste livro não houve espaço para lamúrias de irmãs invejosas e muito menos ódio gratuito entre elas; tudo o que Alice e Lilith compartilham são amor e companheirismo. 
Algo que me deixou com raiva e até mesmo revoltada, foi o fato de Lilith, mesmo sendo ignorada e machucada (tanto física quando psicologicamente) por  dois personagens com grande papel na trama, ela continua ansiando o momento de vê-los e até mesmo ser tocada por eles! Ela é a pura definição da palavra masoquista. Entretanto, apesar de odiar esse lado da protagonista, reconheço que é algo que foi bem colocado na trama, afinal, ela ainda é uma adolescente e não possui mentalidade o suficiente para enxergar a maldade dentro das pessoas.
E agora, contradizendo tudo o que escrevi no parágrafo acima, devo dizer que sou simplesmente apaixonada por Ahriman (que, por sinal, é até mais tenebroso que os personagens citados acima). Entretanto, algo no personagem me cativou e espero, do fundo do meu coração, que a autora crie algo nos próximos livros que o torne alguém digno de todo esse amor.
Outra característica que merece ser destacada é o projeto gráfico do livro. Assim que bati meus olhos na capa, fiquei encantada! A arte é simplesmente incrível, assim como a lombada e as ilustrações nas páginas dedicadas a anunciar o próximo capítulo.
Confere só esse detalhes maravilhosos:

O livro é o primeiro de uma série, sendo assim, já podemos esperar por muitas reviravoltas e novos personagens intrigantes! Tá esperando o que para embarcar nessa história?

Adquira seu exemplar: AmericanasSaraiva | Submarino.

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR

24 comentários

  1. Caracaaa! como nunca vi esse livro? Me apaixonei pelo enredo! E essa capa é linda! Pelo o que disse parece ser uma aventura essa leitura! Mais um livro pra incluir na lista de livros que quero pra 2017 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa capa é de arrasar corações! Vale muito a pena incluir na sua wisth list ♥

      Excluir
  2. Eu me apaixonei pelo livro só de ver a capa e isso já faz algum tempo, mas essa resenha... GENTE, COMO NÃO LI ESSE LIVRO AINDA?
    E convenhamos, quem não ama uma boa fantasia?
    Só digo uma coisa, em 2017 terei esse livro u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Impossível não amar o gênero ♥ haha

      Excluir
  3. Eu sou mega apaixonada pela capa desse livro! Mas confesso que o tamanho me deixa com uma preguicinha de ler haha. Mas sua resenha me deixou interessada em conhecer a obra, vou procurar adquiri-lo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por incrível que pareça, assim que o livro acaba, você se vê pedindo por mais páginas ♥ haha

      Excluir
  4. Olá, tudo bem?

    Só pela capa já me apaixonei pelo livro, ela é leve e transmite algo muito bom. Pela sua resenha deu para perceber que o livro é bom, a única coisa que me desanima é saber que é uma série :/
    Mas, talvez eu leia!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O fato de ser uma série também me desanimou um pouco, mas valeu o risco ♥ haha
      Bjs!

      Excluir
  5. A capa me chamou bastante atenção *-*, a história parece ser bem interessante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E realmente é ♥ E ainda é ótimo para deixar a estante mais bonita ainda ♥ haha

      Excluir
  6. Eu já tinha visto esse livro no Instagram e me encantei pela capa, adorei a resenha,
    Abraço. 

    ResponderExcluir
  7. Socorro que tô querendo me jogar da janela por nunca ter nem visto esse livro! O que é essa capa? Me encantei pelo que cê mostrou nas fotos. Acho que vou adorar hehe Parabéns pela resenha!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigadaaa ♥ Essa capa é maravilhosa mesmo, né?! haha

      Excluir
  8. Oi Larissa tudo bem?

    Meu Deus que capa mais linda! Fiquei de boca aberta com a delicadeza dela <3

    Faz muito temo que não encaro um livro com tantas páginas haha' Mas confesso que Oposição, depois da sua resenha, me deixou realmente curiosa! Acho que um autor ara escrever uma historia assim tem que escrever algo muito bem construído além da capacidade de não deixar a historia em nada cansativa por isso acho que seja um real desafio e saber que a autora conseguiu te fazer sentir tudo isso me deixou com vontade de ler também *-*

    Gostei de verdade da sua resenha ^^

    Beijos ;*
    ❤ Letras Eternas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaaaaa obrigada ♥
      Por incrível que pareça, a história não é nada repetitiva; as dimensões criadas pela autora são simplesmente incríveis ♥
      Fico feliz em saber que gostou *u*
      Beijos ♥

      Excluir
  9. Olá, eu sou apaixonada por essa capa ♥
    Adorei esse livro, e sua resenha retratou tudo o que senti ao realizar a leitura.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?
    Gostei muito da capa do livro e fiquei curiosa pra ler. a estória parece ser muito boa e gostei dos pontos que você destacou. Já anotei na minha lista.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  11. Oooi!! Eu li e inclusive resenhei esse livro tbm hahaha

    Eu concordo com tudo o que vc disse - inclusive a paixão por Ahriman (eu tenho um fraco por badboys néah), mas ao mesmo tempo me irritou muito como elas simplesmente acreditaram q não havia outro portal e ficaram vivendo no dia-a-dia normalmente...>E como eu senti que o livro poderia ter acontecido em menos páginas, sabe?

    bjbj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também fiquei puta da vida com isso haha Tipo, como assim elas acreditaram q não poderiam sair, se para entrar foi tão simples?
      Realmente, algumas cenas poderiam ser cortadas, alguns diálogos banais. Mas, mesmo assim, amei cada capítulo ♥
      Vou lá conferir a resenha!
      Bjs ♥

      Excluir
  12. Adorei! Tenho parceria com a Chiado e quase pedi esse livro. Que lindo...amo o gênero e eles capricharam nessa edição *-*

    ResponderExcluir
  13. Uau, que resenha legal. E esse livro? Que capa mais lindaaaa, fiquei apaixonada pela capa e pela historia. Parece ser realmente encantadora!

    ResponderExcluir
  14. Laaaaaarissa, menina, eu AMEI essa resenha!
    Sério, preciso ler esse livro urgentemente! Quando li o nome da protagonista já me veio algo relacionado ao inferno, é muito "Supernatural" nessa vida! hahahaha. Amei sua resenha, Lari! E que capa é essa? Amei demais!

    Beijão,
    Natália | Obcecada Pelos Livros

    ResponderExcluir

@blogunicornioliterario